O papel da indústria (O Estado de São Paulo, 30/10/2017)

A economia está se recuperando, mas todos concordam que se trata de uma retomada cíclica. Para iniciar um novo ciclo de crescimento sustentável, o Brasil tem vários obstáculos à frente. O mais comentado é a bomba fiscal ainda não desarmada. No campo dos neodesenvolvimentistas, entretanto, a desindustrialização é considerada um problema chave. O debate é antigo. Economistas heterodoxos tendem a enfatizar o vigor industrial como um ingrediente indispensável para uma sólida trajetória de aumento da produtividade no médio e longo prazo. Em recente artigo, em que faz uma interessante discussão sobre os países africanos e suas perspectivas de crescimento, o economista Dani Rodrik, de Harvard, cita

CRITICA LITERÁRIA - QUASE MEMÓRIA

O livro indicado por Ruy Castro, figura importante no cenário literário brasileiro e também do universo jornalístico, é de fato uma caixinha de surpresas, repleta de histórias de um personagem marcante porquê real. Ruy Castro é conhecido pelo gênero literário que o consagrou, a biografia, e creio ser por essa razão que o livro Quase Memória, de Carlos Heitor Cony foi sua sugestão para a leitura do mês de setembro para os associados da TAG - experiências literárias. A obra é uma ode do autor ao seu pai, Ernesto Cony, na qual Carlos Heitor resgata suas memórias para compor e apresentar-nos a figura ímpar que foi seu pai. Carlos Heitor Cony é jornalista, escritor e membro da Academia Brasileira

Desenvolvimento econômico da América Latina em debate

O economista e professor da UnB José Luis Oreiro participou de evento promovido em parceria por UnB, Fiocruz e Movimento 2022, a terceira sessão do Programa Pensamento Estratégico Nacional e Saúde (Pensa), organizado pelo Núcleo de Estudos sobre o Futuro (n-Futuros) da UnB. O tema desta rodada debateu as ideias da Comissão Econômica para América Latina e Caribe (Cepal), a qual estuda temas importantes para a região. “A Cepal tem sede em Santiago, no Chile, e é um dos cinco organismos regionais da Organização das Nações Unidas (ONU), voltado para a tradição desenvolvimentista da América Latina”, introduz um dos coordenadores do Pensa, Armando Raggio. #JoseLuizOreiro

Me explica aí, qual a real importância dos programas Trainee para o desenvolvimento profissional?

Atualmente, aspirar uma vaga executiva de uma grande corporação é sinônimo de ter passado por um programa trainee com grande concorrência e de grande duração. De fato, esse tipo de recrutamento vem ganhando espaço frente aos antigos modelos de planos de carreira, as vantagens e escolhas que esse processo permite alcançar são inúmeras, tanto para os selecionados, quanto para os organismos que buscam pessoal qualificado, e por isso, é extremamente importante para o estudante entender como funciona esse temido processo. Primeiramente, é necessário entender como esses programas funcionam e porque eles se tornaram programas tão requisitados por grandes organizações. Estas, utilizam a falta de exp

Escassez de poupança? (Diário de Comércio e Indústria, 25/10/2017)

O senso comum no debate econômico brasileiro afirma que um dos grandes problemas de nossa economia é a escassez de poupança doméstica, a qual seria a causa fundamental do elevado nível da taxa real de juros prevalecente no Brasil. Para pequenas economias abertas com mobilidade de capitais, contudo, a escassez de poupança doméstica pode ser vista, no máximo, como a causa dos déficits em conta corrente e, portanto, da tendência à sobrevalorização crônica da taxa de câmbio. A evidência empírica disponível aponta para a inversão da relação de causalidade – o câmbio apreciado é que causa os déficits em conta corrente e a escassez de poupança doméstica. É fato, porém, que a poupança doméstica no B

Movimento Agora de Renovação na Política

No dia 30/10 as 10:30 iremos receber no Auditório do Instituto de Ciência Politica da Universidade de Brasília, dois CO-Fundadores do Movimento Agora de renovação na política. O objetivo é promover um ambiente de diálogo entre os mesmos, professores e alunos. O Agora! é um movimento cívico que pretende impactar a agenda pública e ação política a partir de cidadãos comuns. Segue o link da revista Época sobre estes grupos que tem se mobilizado também na conscientização do cidadão sobre o seu papel na sociedade. http://www.agoramovimento.com/ #AurélioMadurodeAbreu

ME EXPLICA AÍ, COMO PROCESSOS SELETIVOS PODEM DIMINUIR QUESTÕES DE DISCRIMINAÇÃO SOCIAL?

Diariamente, inúmeras pessoas sofrem discriminação em todo o mundo. Em qualquer ambiente social, seja este familiar, profissional ou pessoal, a discriminação está presente para determinados grupos pessoas.. Nesse contexto, ambientes de trabalho não estão inclusos. É comum ver em empresas, instituições ou organizações comportamentos que discriminam outros serem reproduzidos, e afetarem a vida alheia. Um exemplo disso pode ser visto quando empresas, em processos de seleção, deixam julgamentos e preconceitos afetarem suas decisões, resultando em ações discriminatórias. Antes de aprofundar no assunto, é importante entender que o conceito de seleção, que segundo Chiavenato, é um conjunto de técni

OUTUBRO ROSA E CANNABIS

O movimento conhecido como Outubro Rosa surgiu na década de 90 com a proposta de estimular o engajamento da população no controle do câncer de mama através do compartilhamento de informações, promovendo a conscientização sobre a doença, e do maior acesso aos serviços de diagnóstico e tratamento, contribuindo para a redução das mortes decorrentes de tal enfermidade. Nesse contexto, é muito importante como ação preventiva a divulgação e conscientização a respeito dos potenciais dos cannabinoides no tratamento do câncer, sobretudo para tipos de câncer de mama que não respondem a outros tratamentos. O que a cannabis tem a ver com isso? Na tentativa de caracterizar o principal composto da cannabi

E o crescimento parece que não vem

Bom dia pra você que acredita nas previsões otimistas da equipe econômica do governo e de parte dos analistas econômicos para o PIB de 2017 e acorda com a notícia de que o volume de serviços caiu 1% em agosto na comparação com julho, que o IBC-BR deve cair 0,24% em agosto na comparação com julho e que as consultas por crédito no BNDES tiveram o pior setembro desde 2002 [pós escrito: o IBC-BR veio pior do que o esperado: queda de 0,38% entre agosto e julho). #JoseLuizOreiro

Bovespa sobe em dia de ajuste após 2 pregões de queda

O principal índice da bolsa paulista operava em leve alta no começo do pregão desta quarta-feira (18), em movimento de ajuste após fechar no vermelho nos dois pregões anteriores, mas com investidores ainda evitando grandes apostas diante do quadro político. Veja cota de hoje.

Me explica aí: como os dados das dimensões de Hofstede podem me ajudar a saber o que esperar de uma

Sabemos que diferentes países possuem diferentes culturas. O trabalho mencionado de Hofstede foi de encontro a isso: para ele, a cultura é “a programação coletiva dos espíritos que distingue os membros de um grupo humano do outro”. Baseado em 5 diferentes índices (Distância do Poder, Individualismo vs. Coletivismo, Masculinidade vs. Feminilidade, Evitar a incerteza e Orientação a longo prazo vs a curto prazo), o citado pesquisador traçou um panorama de como é essa programação coletiva dos espíritos de vários países. A distância do poder é uma forma de medir quantos membros menos poderosos em uma sociedade aceitam e esperam a distribuição desigual existente. Já a aversão a incerteza é descrit

Sobre Complexidade Econômica e Capital Humano: desfazendo alguns equivocos

Prezados leitores, Em função das informações equivocadas divulgadas recentemente na grande mídia, quero informá-los que: (i) Nunca afirmei ou escrevi que o capital humano não influencia a complexidade econômica, pelo contrário, no post “https://jlcoreiro.wordpress.com/2017/09/28/o-mito-de-que-a-estrutura-produtiva-nao-importa-uma-analise-dos-dados/” escrevi que “Segundo Hidalgo (2015, cap.10), o conhecimento técnico e científico está embutido nas pessoas (capital humano), nas máquinas e equipamentos (capital físico), na capacidade das pessoas em se conectarem e assim trocar informações (capital social). Dessa forma, aquilo que uma economia produz e exporta revela a sofisticação ou comp

Me explica aí, a cultura organizacional influencia em como os funcionários trabalham e em como os c

Nos dias de hoje podemos notar que cada vez mais o mercado exige a capacidade de inovar das empresas e, quando falamos de inovação, falamos da capacidade de melhorar seu serviço prestado e da capacidade de resolução de problemas junto aos clientes, entre muitos outros requisitos que não estão ligados necessariamente às tecnologias. As organizações buscam a cada momento uma nova forma de fazer com que seus clientes queiram seus produtos, se fidelizem a sua marca e que os funcionários se sintam parte daquela empresa e essa busca que faz com ela se desenvolva positivamente. A cultura organizacional é um fator muito importante para o desenvolvimento de uma empresa/organização, pois a cultura dos

Governo dificulta fiscalização de trabalho escravo

Uma portaria do governo federal publicada hoje no "Diário Oficial da União" (DOU) dificulta que sejam incluídas na lista empresas que mantêm funcionários em condição análoga à escravidão, a chamada Lista Suja. Qualquer pessoa física ou jurídica que for incluída na lista não pode solicitar financiamento público. Leia a integra

Individualismo e Cidadania

Para quem vive em Brasília desde os anos 70, sabe que as pistas entre as quadras residenciais/comerciais são faixas de trânsito continuas*. Para se fazer a reversão, é preciso ir até a famosa “tesourinha “ou “balão”. Recentemente, por pressa, pela busca por uma vaga ou mesmo por falta de educação vial, os motoristas têm cruzado as faixas sem a menor cerimônia. O que é uma infração em qualquer cidade do país chama atenção na capital federal por suas ruas planejadas e ordenamento moderno. Seria a cidade nova de hábitos velhos? Utilizando por base esse exemplo poderíamos dizer que o mundo caminha para um novo contrato social e que estaria a sociedade em um momento de transição e de questionamen

Poupança, lucros e indústria

O senso comum no debate econômico brasileiro afirma que um dos grandes problemas de nossa economia é a escassez de poupança doméstica, a qual seria a causa fundamental do elevado nível da taxa real de juros prevalecente no Brasil. Para pequenas economias abertas com mobilidade de capitais, contudo, a escassez de poupança doméstica pode ser vista no máximo como a causa dos déficits em conta-corrente e, portanto, da tendência a sobrevalorização crônica da taxa de câmbio. Ainda nesse caso, a evidência empírica disponível parece apontar para a inversão da relação de causalidade, ou seja, o câmbio apreciado é que causa os déficits em conta-corrente e, dessa forma, a escassez de poupança doméstica

Contabilidade Mental e Economia Comportamental

A teoria econômica tradicional é fundada na hipótese de que os agentes fazem escolhas racionais. O que isso significa? Significa que sempre que um agente econômico, pessoas ou empresas, se veem diante de uma decisão, escolherá aquela que é melhor para si. Sob essa hipótese que a economia tem sido desenvolvida. Porém, , laureado com o Nobel de Economia de 2017, afirma que diante de duas opções somos propenso a escolher a que mais nos prejudica, e isso é explicado pela falta de tempo para refletir e pelo hábito. Sabe aquela história de que as pessoas ao se comprometerem com um financiamento normalmente não buscam a opção mais barata, e simplesmente verificam se o valor que pagará cabe no orçam

Dólar cai ante real após Fed manter apostas de alta nos juros no fim do ano

SÃO PAULO (Reuters) - O dólar fechou em baixa ante o real nesta quarta-feira, depois que a ata do Federal Reserve, banco central dos Estados Unidos, não ter impactado as apostas de que os juros da maior economia do mundo serão elevados novamente em dezembro. O dólar recuou 0,43 por cento, a 3,1700 reais na venda, após bater 3,1603 reais na mínima do dia. O dólar futuro caía cerca de 0,30 por cento no final da tarde. “O mercado esperava... um esclarecimento adicional (do Fed) e isso acabou não acontecendo”, afirmou o gerente de tesouraria do Banco Confidence, Felipe Pellegrini. Na ata, muitos membros do Fed ainda sentiam que outra alta dos juros neste ano “deve ser justificada”, ao mesmo temp

Meirelles diz que aprovar reforma da Previdência neste ano 'é questão de bom senso'

ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, disse nesta quinta-feira (12) que acredita que "há uma chance muito boa" de o Brasil aprovar uma proposta de reforma da Previdência até o final do ano e alertou que o adiamento da votação pode ser prejudicial para o próximo governo que for eleito em 2018. "É uma questão de bom senso para o país aprovar agora a reforma da Previdência", disse Meirelles a jornalistas em Washington, nos Estados Unidos. "A reforma da Previdência é interesse ou deveria ser o interesse das diversas facções políticas. Porque, inclusive, se não for aprovada agora, ela terá que ser discutida e aprovada no próximo governo. Então isso será ruim para quem assumir, porque o primeir

Veja, escute, leia, pense, faça...

ARGONAUTAS

2017

  • Grey Facebook Icon
  • Grey Twitter Icon
  • Grey YouTube Icon
  • Grey Instagram Icon
contato@argt.com.br
61 99853-4925