• Paulo César Giovanna Xavier Gabriel Augusto

Quais os benefícios da ética?


Ética é um conjunto de regras e preceitos de ordem valorativa e moral de um indivíduo, de um grupo social ou de uma sociedade. Em resumo, um conjunto de regras de conduta que visam o bem comum. Levando em consideração que as organizações são formadas por pessoas e essas podem ou não agir de forma ética, é natural a aplicação e o estudo deste conceito nas organizações.

Nas atuais relações empresariais, tem-se a ideia de que a ética pode ser considerada essencial para o sucesso das organizações. Com isso, surge a necessidade de propagar e estimular a ética no ambiente organizacional, seja através de uma cultura de integridade, na qual prevaleça a transparência e a honestidade no relacionamento com os seus públicos alvo ou através de um código de conduta definido pela organização.

No ano de 2017, foi realizada pela Protiviti uma pesquisa para compreender o perfil ético dos profissionais brasileiros, onde foram consultados 6277 profissionais em todo o Brasil. Dentre as questões propostas, constavam perguntas sobre apropriação indébita de ativos, gratificações indevidas, conivência com atos antiéticos e atitudes frente a erros, que tiveram como resultado:

• Apropriação indébita de ativos: 63% não consideram sob nenhuma hipótese, 37% consideram o contexto e 0% julgam a ação de forma natural.

• Gratificações Indevidas: 56% não consideram sob nenhuma hipótese, 42% condicionam sua escolha a elementos externos e 2% julgam a ação de forma natural.

• Conivência com atos antiéticos: 47% denunciam, 48% consideram fatores situacionais/externos para denunciar e 5% não denunciam.

• Atitudes frente a erros: 35% reportam seus erros, 58% dependem do ambiente, segurança sentida e possibilidades de prejuízo a si e 7% omitem falhas.

A pesquisa apresenta também dados referentes ao ano de 2015, sendo possível comparar os resultados apresentados e tirar conclusões. Na maioria das variáveis o resultado do ano de 2017 é mais satisfatório que os de 2015, sendo possível definir uma evolução no perfil ético dos profissionais brasileiros.

A ética pode trazer diversos benefícios se aplicada corretamente nas organizações, tais como:

• Trabalho em equipe e melhora na produtividade: Os funcionários sentem um forte alinhamento entre seus valores e os da organização, eles reagem com forte motivação e desempenho.

• Imagem pública forte: O fato de uma organização regularmente dar atenção à sua ética pode ser visto como um ponto positivo na visão do público. As pessoas veem essas organizações valorizando as pessoas mais do que o lucro, operando com o máximo de integridade e honra. Favorece o setor de relações públicas e marketing da empresa.

• Melhor ambiente de trabalho: Com a ética, seguindo as regras da empresa e respeitando a hierarquia e companheiros de trabalho, tem-se um ambiente de trabalho mais agradável e amigável.

• Local de trabalho que permite o desenvolvimento técnico e pessoal: Em um ambiente de trabalho ético, tem-se os funcionários em constante evolução. Seja em troca de ensinamentos através de aprendizagem informal, ou através de relações interpessoais entre eles.

Além disso, um ambiente ético favorece não apenas a organização em que está inserido, mas a sociedade como um todo. Em décadas anteriores o trabalho infantil era considerado normal, pessoas eram exploradas e deficientes físicos não tinham espaço no mercado de trabalho. Então, a sociedade reagiu e exigiu que as empresas valorizassem a justiça e os direitos iguais, agências governamentais foram estabelecidas, os sindicatos foram organizados e leis e regulamentos foram estabelecidos.

Em contraponto aos exemplos éticos citados acima, tem-se o caso da empresa de energia norte-americana Enron. A Enron foi alvo de diversas denúncias de fraudes contábeis e fiscais, investigações revelaram que a empresa havia manipulado seus balanços, com ajuda de outras empresas e bancos e escondeu dívidas de 25 bilhões de dólares por dois anos consecutivos, tendo inflado artificialmente seus lucros.

Alguns tipos de comportamentos antiéticos se devem ao preconceito e à intolerância, sejam por questões raciais, religiosas, sociais ou de orientação sexual. Estes, devem ser combatidos por ferirem o Artigo 5º da Constituição Federal brasileira, onde está previsto que todos são iguais perante a lei, sem distinção de naturezas. Além disso, atitudes como desrespeitar a hierarquia, tecer comentários maldosos sobre colegas de trabalho e abuso de poder também devem ser combatidas, por serem antiéticas e prejudicar o ambiente organizacional.

Com isso, pode-se concluir que o comportamento ético pode trazer diversos benefícios para as organizações, como melhora na produtividade, melhora na reputação da organização, melhor ambiente de trabalho e estabelece uma relação de confiança com o público. Além disso, a ética organizacional traz benefícios para toda a sociedade, respeitando os direitos individuais, as diferenças entre cada um e incluindo as minorias no mercado de trabalho.

Fontes consultadas:

www.managementhelp.org/blogs/business-ethics/2010/10/23/10-benefits-of-managing-ethics-in-the-workplace/

www.protiviti.com/sites/default/files/australia/insights/infografico_perfil_etico_04_dez_2017.pdf

https://pt.wikipedia.org/wiki/Enron

http://espacojacyra.com.br/comportamento-antietico-numa-empresa/

http://www2.planalto.gov.br/acervo/constituicao-federal

https://comum.rcaap.pt/bitstream/10400.26/16630/1/Antónia_Capembe.pdf

#SiegridGuillaumonDechandt

1,814 visualizações

Veja, escute, leia, pense, faça...

ARGONAUTAS

2017

  • Grey Facebook Icon
  • Grey Twitter Icon
  • Grey YouTube Icon
  • Grey Instagram Icon
contato@argt.com.br
61 99853-4925