Cultura Organizacional vista como vantagem competitiva.

De forma inicial, é imprescindível que a cultura organizacional promova valor econômico para a empresa. A existência de uma estreita distância entre a cultura organizacional com aspectos da dinâmica da firma deixa claro que, independente de como a cultura intervenha no agir da organização, é fundamental que traga valor econômico dentro de quaisquer que seja seu contexto. Em seguida, observa-se a necessidade da cultura organizacional ser rara. A compreensão desse indispensável atributo se faz a partir da ciência de que as características da cultura organizacional devem ser pouco comuns, ou seja, os mesmos elementos não são encontrados em abundância quando observado um contexto com múltiplas o

Re-post.: Caçando Dragões (Diário de Comércio e Indústria, 22/02/2018)

Na ultima reunião do COPOM a taxa básica de juros foi mantida, por unanimidade, em 6,5% a.a. A decisão foi uma surpresa para a maior parte dos analistas que esperava uma queda de 0,25 p.p. A justificativa dada no comunicado do Copom é que “a normalização das taxas de juros em algumas economias avançadas (leia-se Estados Unidos)” estaria tornando o ambiente externo (sic) mais desafiador, o que justificaria uma pausa na flexibilização da política monetária doméstica. Traduzindo: o BCB teme que uma redução muito expressiva do diferencial entre a taxa de juros doméstica e a taxa de juros americana acabe por induzir uma fuga de capitais do país, resultando assim numa grande desvalorização da taxa

Veja, escute, leia, pense, faça...

ARGONAUTAS

2017

  • Grey Facebook Icon
  • Grey Twitter Icon
  • Grey YouTube Icon
  • Grey Instagram Icon
contato@argt.com.br
61 99853-4925